Ads Top

#Resenha: O Amuleto de Ulfgar

"A tensão era grande, ninguém conversava, não se ouvia um barulho entre os soldados, apenas o barulho do exército maligno que ficava mais alto à medida que se aproximavam".


 Romulo Perrone Faria nasceu em Minas Gerais, no ano de 1985. Passou a adolescência em Domingos Martins/ES e foi lá que se tornou um amante dos jogos de RPG ao lado de seu grande amigo Rafael. Juntos, eles inventavam mundos, mapas, raças e personagens que foram colocados no papel de forma amadora. Tempos se passaram e Rafael tentou levar o projeto para frente, porém um acidente automobilístico, ocorrido em 2005, o levou daqui, fazendo com que Romulo se sentisse na obrigação de reescrever o livro, narrando as pessoas os mundos em que inventavam e que agora podem ser imaginados por todos.

"O Amuleto de Ulfgar" conta a história do bárbaro Thartálion, da família dos Taurons, que numa de suas aventuras encontra um amuleto, capaz de aumentar a força, rapidez e resistência em 10 vezes mais de qualquer criatura que esteja portanto o objeto. Todo esse poder será de extrema importância na batalha entre o bem e o mal, nas terras de Doma, onde personagens fantásticos, como Duendes, Orcs, Elfos, Feiticeiros, Bárbaros e muitos outros, são descritos de forma brilhante pelo autor e são colocados à prova a todo momento.


A obra de estréia do escritor, surpreende pela riqueza de detalhes, que em muitas vezes pode até parecerem desnecessários, mas quando finalizamos a leitura, percebemos que toda a descrição fora importante para entendimento completo desse universo. O Amuleto de Ulfgar se passa em uma época conhecida como "6º Era de Doma", o objetivo de Romulo é lançar em novembro desse ano seu segundo livro, no qual se passará 1500 anos anteriores, numa era conhecida como "5º Era de Doma", retroscedendo a cada nova obra publicada, até chegar nos primórdios de Doma.

Produzido de forma totalmente independente, o livro traz alguns erros, pois o autor precisou contar apenas com a ajuda de amigos na hora da revisão, porém em nada esses erros nos atrapalham e está nos planos do escritor, uma segunda edição, corrigindo essas falhas. A obra ainda conta com belas ilustrações de Fábio Moreira, da Midgard Tattoo, que fazem toda a diferença nessa experiência de leitura que em muitos momentos vai te deixar com o coração na mão.

Ilustração de Fábio Moreira

 Se você gosta desse tipo de literatura e se interessou pelo "Amuleto de Ulfgar", é possível comprar o livro online ou diretamente com o autor enviando e-mail para romuloperrone@hotmail.com.

Álisson Boeira

Fundador da Revistak7. Gaúcho, que vive no Mundo da Lua, e que não gosta de churrasco e nem chimarrão.

|@alissonfboeira

Tecnologia do Blogger.