Ads Top

Fotografando poesia pela Europa

O brasileiro Ricardo Müller vem desenvolvendo um belo trabalho misturando poesia e fotografia em vários lugares pelo mundo. Canto de Olho nasceu por acaso, enquanto Ricardo morava em Londres. Um dia ele fotografou um de seus poemas com a cidade ao fundo e gostou tanto da ideia, que não parou mais.

Ele largou o emprego e viajou por 24 cidades diferentes da Europa, sempre fotografando seus poemas com fantásticas paisagens ao fundo, complementando as lindas tipografias de seus versos. A sua ideia agora, é levar o projeto para a América Latina.

"Paris fala sobre vaidade. Veneza sobre amor. Firenze sobre arte. E houve momentos em que a inspiração nasceu no próprio local, como em Atenas, que escrevi em frente a Acrópole sobre a dificuldade de se relacionar com o tempo. A imagem da ampulheta como forma também surgiu ali na hora. Em Lisboa, falo sobre a despedida: a dificuldade de lidar com o adeus. E senti isso na pele, já que de Lisboa parti para o Brasil", conta Ricardo Müller.
















Álisson Boeira

Fundador da Revistak7. Gaúcho, que vive no Mundo da Lua, e que não gosta de churrasco e nem chimarrão.

|@alissonfboeira

Tecnologia do Blogger.