Ads Top

O Braço da Espada, Aquele que Galgou ao Norte – Livro III

 

“Caçar as trevas e jamais morrer em vão”, eis a máxima que norteia toda a história do livro “O Braço da Espada, Aquele que Galgou ao Norte”, do autor Zeca Lima, editora Autografia.

Essa trilogia, que muito engenhosamente se inicia pelo terceiro livro, trata-se de uma saga simplesmente extraordinária! Bem escrita, envolvente, cheia de mistérios, personagens marcantes e reviravoltas incríveis.

Os episódios acontecem em um plano fictício, em uma época similar à nossa era medieval, onde as leis favorecem os senhores abastados em detrimento dos populares, a religião dita regras com mão de ferro e os cavaleiros são os grandes heróis. O livro, aliás, traz um mapa do Reino de Calimbra (região onde acontecem os principais embates) e um apêndice com a descrição de cada personagem e dos clãs envolvidos na trama.

Destarte, em momento tão conturbado, como se não bastassem as injustiças cunhadas pelos próprios homens, eis que surgem criaturas sobrenaturais, chamadas Forasteiros da Noite, que são predadores humanos ferozes e praticamente inatingíveis. Esses seres, embora tenham surgido e sido exterminados em um período anterior, reaparecem com mais força, deixando seu rastro de morte e pavor. E raros são os que conseguem destruí-los.

    A espada erguida vibrou. Parecia pesada demais. Seu corpo tilintava de frio, mas manteve-se calmo pois sabia que seria sua vida ou a dele. Conforme o corte veio pela horizontal, passou diretamente no peitoril. O sangue esguichou escuro e viscoso. A lâmina parecia estar chanfalhada, passou penetrando a carne cinzenta da criatura, bem ao tórax.

Em paralelo a este ambiente terrivelmente instável, seus personagens seguem acometidos por tragédias, desventuras, encontros e desencontros, como os gêmeos Ravene Vidana que são separados, ainda crianças, com a promessa de que um dia tornariam a se reencontrar.

É um livro, de fato, muito especial, que nos proporciona o mergulho profundo em uma grande aventura épica, nos arrastando por sua realidade repleta de heróis e nos encantando com suas inúmeras lições de honra e bravura, apesar de todo sofrimento.

O livro encontra-se disponível no site da editora Autografia.

Andreia Marques

Escritora, poetisa, ilustradora e estudante de Filosofia. Carioca, aficionada por livros, filmes e séries.

|@contoseuconto

Tecnologia do Blogger.