Ads Top

7 documentários sobre música para ver na Netflix



Nos últimos anos, a Netflix acabou se tornando o serviço de streaming queridinho dos amantes de filmes e séries. Com um catálogo que vai de desenhos animados clássicos até filmes cults, não é difícil de compreender o motivo de tanto sucesso, não é mesmo? Um outro diferencial são os ótimos documentários que temos acesso através da plataforma, e vão ser neles mesmos que vamos focar hoje.

Para saciar a "fome" de conhecimento dos apaixonados por música, resolvemos escolher 7 documentários sobre esse universo maravilhoso para assistir na Netflix.

Confere aí:

Amy

Ganhador do Oscar de melhor documentário, "Amy" apresenta a vida e os desafios da dona de uma das vozes mais importantes da última década. Sua infância, seus relacionamentos conturbados, seu envolvimento com as drogas e seu talento são apresentados, de maneira brilhante, pelo diretor Asif Kapadia, que também dirigiu "Senna".


What Happened, Miss Simone?

Lançado em 22 de janeiro de 2015, o filme produzido pela própria Netflix, e dirigido por Liz Garbus, aborda a vida e obra da cantora e pianista Nina Simone. Imagens raras, diários, cartas, entrevistas e gravações inéditas nos ajudam a entender mais sobre a força de uma mulher negra que apenas sonhava com um mundo onde todas as pessoas pudessem viver de maneira igualitária.


Pentatonix: On My Way Home

Eles foram os ganhadores de um programa de novos talentos da tv norte-americana e em pouco tempo atingiram números incríveis de visualizações no YouTube e em vendagens de álbuns, além de terem levado dois Grammys para casa. No documentário o grupo a capella, formado por Scott Hoying, Kirstin Maldonado, Mitchell Grassi, Avriel Kaplan e Kevin Olusola nos convida a acompanhar mais sobre a formação do quinteto e os bastidores de sua turnê de sucesso em 2015.


Kurt & Courtney

Produzido em 1998, o filme inspirado no livro “Who Killed Kurt?”, escrito pelo pai de Courtney Love, tenta desvendar os mistérios por trás do estranho suicídio do líder do Nirvana, Kurt Cobain. Documentos, conspirações e uma série de depoimentos de pessoas que conviveram com o astro do grunge são apresentados, de maneira impecável, pelo britânico Nick Broomfield, transformando esse documentário em um dos mais lembrados quando se trata da vida e obra de Kurt.


Janis: Little Girl Blue

Após mais de 46 anos de sua morte, o filme aborda a carreira de um dos maiores nomes do rock nos anos 60. Dirigido por Amy J. Berg e produzido por Alex Gibney, a dupla demorou mais de sete anos para finalizar a obra, que aprofunda-se e nos faz entender um pouco mais sobre a mente de Janis Joplin, através de arquivos inéditos e várias doses de performances ao vivo.


Hip Hop Evolution

Dividido em 4 partes com mais de 40 minutos cada, a série documental exibe entrevistas com DJs, MCs e produtores para traçar um panorama sobre a importância da cena Hip Hop nos primeiros 20 anos. Nomes como Grandmaster Flash, Kurtis Blow, Russell Simmons, LL Cool J, Big Daddy Kane, Rakim e Ice Cube contam suas histórias nessa produção fenomenal da Banger Films, escrita por Rodrigo Bascuñán, com realização de Darby Wheeler e co-realização de Scot McFayden e Sam Dunn. Enfim, com um timão de peso como esse só poderia ter dado em coisa boa.


Jimi: All Is by My Side

Estrelado por André 3000 (André Benjamin) o filme britânico-irlandês sobre Jimi Hendrix, dirigido e escrito por John Ridley, apresenta a história de uma das maiores lendas do rock de todos os tempos, quando sua carreira estava quase explodindo, em 1966 e 1967. Lançado no Brasil em 2015, dois anos após o lançamento mundial, a obra polêmica não conta com os maiores sucessos do guitarrista, pois os direitos autorais das músicas não foram liberados e os produtores tiveram que contornar esse problema da melhor forma possível, e conseguiram.




Álisson Boeira

Fundador da Revistak7. Gaúcho, que vive no Mundo da Lua, e que não gosta de churrasco e nem chimarrão.

|@alissonfboeira

Tecnologia do Blogger.