Ads Top

Uma aula de representatividade com a cidade de Madrid

Madrid resolveu dar um pequeno, mas importante, passo rumo à representatividade e igualdade de gêneros. A prefeita da cidade Manuela Carmena optou por trocar as lentes dos semáforos de 72 cruzamentos para que fossem mais inclusivas, exibindo versões com casais formado por dois homens e duas mulheres.

Se queremos igualdade não podemos excluir nenhum grupo, não é mesmo? Por isso, há também semáforos que abrigam casais heterossexuais e  alguns somente com mulheres. "Essas luzes, que estão projetadas para cuidar dos cidadãos, tinham que refletir a diversidade da cidade", conta a prefeita.

Bem que essa moda podia pegar aqui no Brasil, né?







Álisson Boeira

Fundador da Revistak7. Gaúcho, que vive no Mundo da Lua, e que não gosta de churrasco e nem chimarrão.

|@alissonfboeira

Tecnologia do Blogger.