Ads Top

Netflix vai lançar série brasileira sobre Bossa Nova e feminismo


A Netflix resolveu investir de vez em produções brasileiras. Depois das séries "3%" e "O Mecanismo", esta última é sobre os escândalos da Operação Lava Jato e estreia só em 2018, o serviço de streaming vai lançar uma série sobre a revolução cultural brasileira, com direito a muita bossa nova.


Ainda sem previsão de lançamento e nem elenco divulgado, "Coisa Mais Linda" é uma criação de Heather Roth e Giuliano Cedroni, com argumento assinado por Pati Corso e Leo Moreira, e produção executiva de Francesco Civita, Beto Gauss e Caito Ortiz.

De autoria da Prodigo Filmes em parceria com a Netflix, a história, que será um drama romântico, se passará no Rio de Janeiro, em 1950, e vai ser dividida em oito episódios de uma hora de duração cada.

A série acompanhará Maria Luiza, uma mulher conservadora e obediente que sempre dependeu de seu pai, Ademar, e de seu marido, Pedro. Quando Pedro desaparece, ela precisa viajar de São Paulo ao Rio de Janeiro, onde o marido tinha planejado abrir um elegante restaurante. Maria então decide ficar no Rio e dedicar-se a transformar a propriedade de Pedro em uma casa noturna de Bossa Nova. É essa decisão que marca o despertar de uma apaixonada transformação em Maria Luiza, uma mudança influenciada por novas amigas liberais e feministas, bem como uma nova chance de amar.


"Estamos ansiosos para continuar a investir na incrível narrativa que o Brasil tem para oferecer", contou Erik Barmack, vice-presidente de conteúdos originais da Netflix Internacional. "Além de ser ambientada numa época vibrante da cultura brasileira, a série conta uma história mais ampla sobre a auto-descoberta, a procura dos sonhos e a emancipação das mulheres, temas incrivelmente relevantes para o nosso público tanto no Brasil como no mundo", completou.


Via



Álisson Boeira

Fundador da Revistak7. Gaúcho, que vive no Mundo da Lua, e que não gosta de churrasco e nem chimarrão.

|@alissonfboeira

Tecnologia do Blogger.